TRATAMENTOS

Medicina Dentária Geral

A Medicina Dentária Geral compreende tratamentos de Higiene Oral, Odontopediatria e Dentisteria.

Higiene Oral

Esta especialidade é dirigida à prevenção das doenças orais e à manutenção dos tratamentos efectuados pelas outras especialidades, actuando numa vertente mais educativa e preventiva a cada paciente afim de adequar hábitos de higiene oral específicos para cada doente. As consultas de higiene oral periódicas são determinantes para o sucesso de todos os tratamentos efectuados e a manutenção de um sorriso bonito e saudável.

Cirurgia Oral​

A Cirurgia Oral está diretamente relacionada com o diagnóstico e tratamento de doenças, lesões e anomalias nos dentes, maxilares e estruturas anexas. Compreende uma vasta gama de procedimentos clínicos, tais como extração de dentes (normais ou inclusos), cirurgia endodôntica, cirurgia periodontal, implantologia, cirurgia pré-protética e traumatologia oral.​

Implantologia

A implantologia é a área da medicina dentária que se dedica à colocação de implantes dentários. Enquanto as próteses (fixas ou removíveis) têm como objetivo substituir a parte visível do dente (coroa), o implante visa substituir a sua raiz com recurso a uma estrutura metálica que é inserida diretamente no osso, através de uma união biológica saudável e estável. O implante dentário pode ser usado para substituir um, vários ou todos os dentes. A colocação é feita cirurgicamente sob anestesia local. Depois de cicatrizada, a raiz artificial funciona como uma base para a parte visível do dente. Sobre os implantes são sempre colocados dentes artificiais (acrílicos ou cerâmicos).

Branqueamento Dentário

O branqueamento dentário é um dos procedimentos a que recorremos com frequência uma vez que é um tratamento cada vez mais procurado por parte dos pacientes junto dos profissionais de saúde oral. Um sorriso com dentes brancos nos dias de hoje, não só significa uma melhoria na saúde oral de cada um de nós, como aumenta a autoconfiança e a autoestima que temos pela nossa imagem. O branqueamento dentário visa eliminar as manchas inestéticas provocadas por anos de consumo de café, tabaco ou vinho tinto e por determinados hábitos alimentares. Em apenas uma hora e sem dor, devolvemos-lhe a confiança de que necessita. Um sorriso radiante é a chave do seu sucesso.

Dentisteria

A dentisteria é a área da Medicina Dentária que tem como objetivo restabelecer ou melhorar a estética e função dentária. Nos últimos anos, a dentisteria restauradora tem sofrido um desenvolvimento notável devido ao aparecimento de novas tecnologias e novos materiais dentários, os quais permitem aos médicos dentistas restaurar os dentes de forma conservadora com excelentes resultados estéticos. dentes com lesão de cárie tratamento de fraturas substituição de restaurações antigas danificadas e/ou infiltradas substituição de restaurações de amalgama inestéticas encerramento de espaços entre dentes (diastemas) alterações da morfologia e/ou posicionamento de dentário harmonização do sorriso simulações do resultado final pré-tratamento

Odontopediatria

A Odontopediatria é a área da medicina dentária dedicada à saúde oral de bebés, crianças e adolescentes e que tem como principal objetivo a realização de tratamentos preventivos mas também curativos para que a criança atinja a idade adulta com uma boca sã, estética e funcional.
A consulta tem como objectivos:
- Prevenção
- Instrução e motivação para a higiene oral
- Aplicação de flúor
- Aplicação de selantes de fissura
- Tratamentos curativos
- Tratamentos intercetivos

Ortodontia Fixa e Removível - Aparelho Dentário

Ortodontia é a especialidade médico-dentária dedicada à prevenção e correção do mau posicionamento dentario-maxilar. A primeira avaliação ortodôntica deve ser feita entre os 6 e os 7 anos de idade. O tratamento ortodôntico permite a correção do sorriso com consequente melhoria estética. Um correto alinhamento dos dentes possibilita uma maior facilidade de higienização, diminui a incidência de problemas periodontais e promove uma boa função mastigatória, muscular e articular dos maxilares, contribuindo para o bem-estar e saúde geral. A melhoria do posicionamento dentário é obtida através do uso de aparelhos, fixos ou removíveis. Geralmente, a utilização de aparelhos removíveis está associada a idades mais precoces. Contudo, ambos podem ser usados no tratamento de uma vasta panóplia de casos e adaptados a cada situação em específico.

Prostodontia - Prótese Dentária Fixa e Removível

- Prótese Removível
As próteses removíveis são substitutos dentários e gengivais que permitem a restauração das funções estética, fonética e mastigatória com recurso a dentes e gengiva artificial. Tal como o nome indica, o paciente pode pô-las e tirá-las sem intervenção do Médico Dentista. Este tipo de prótese pode ser feita imediatamente após a extração dos dentes (não requerendo um período em que o paciente fique desdentado) ou alguns meses após a extração do último dente e após cicatrização completa dos tecidos.

- Prótese Fixa
É a restauração parcial ou total da coroa de um dente (prótese fixa unitária) ou a substituição de um ou mais dentes perdidos (prótese parcial fixa ou "ponte fixa"). Ao ser fixada sobre os dentes do paciente, previamente preparados para recebê-la, reabilita-o para mastigar, falar ou sorrir. Recebe o nome de "fixa" porque não pode ser removida pelo paciente ou pelo Médico Dentista. A utilização de prótese fixa não requer a ausência total do dente, mas pode ser usada para restaurar um dente de tal maneira deteriorado que não seja possível a sua restauração com recurso a resinas e amálgamas. Quando não há estrutura dentária para ser utilizada apenas a coroa (a raiz está danificada e não é aproveitável), a mesma pode ser colocada sobre um implante. Se isto não for possível, uma outra hipótese é a realização de uma ponte.